Japan House: flexibilidade, leveza e a resistência do bambu

São Paulo recebe a primeira Japan House a ser aberta no mundo e não é por menos, já que a cidade celebra 122 anos de amizade e comércio com o país, além de abrigar mais de 1 milhão descendentes de japoneses.

Em espaços distribuídos por três andares, a Japan House convida o público a descobrir a flexibilidade, a leveza e a resistência do bambu, planta que revela o que tem de mais profundo entre os valores japoneses, um povo que já precisou se reinventar várias vezes por conta das guerras e catástrofes naturais.

Um das principais obras da casa é a de Chikuunsai IV Tanabe, que coleciona cinco mil tiras de bambo entrelaçadas, sem nenhuma estrutura complementar. No delicado trabalho de um dos artistas mais importantes do Japão, cada tira remete a uma vida que, ao cruzar-se com outras, cria formas surpreendentes.

A Japan House ainda traz uma animação baseada no conto popular japonês “O corte do bambu”. Kaguya era um minúsculo bebê quando foi encontrada dentro de um tronco de bambu brilhante. Passado o tempo, ela se transforma em uma bela jovem que passa a ser cobiçada por 5 nobres, dentre eles, o próprio Imperador. https://www.youtube.com/watch?v=LBohvCiLZ34

Para completar, o espaço coleciona cerca de 1.900 livros divididos em dez categorias: estilo de vida, cultura, design, tecnologia, arquitetura e muito mais.

O local ainda conta com o restaurante Junji Sakamoto e o IMI Café, com tradicionais receitas japonesas.

A exposição “Bambu – Histórias de um Japão”, na Japan House, fica em cartaz até o dia 9 de julho.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Notícias Relacionadas



Copyrıght 2019 ARISP. All RIGHTS RESERVED.

Content
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório