aluguel-imoveis-litoral-825x550

Cartão de crédito está entre as alternativas para substituir fiador na hora de alugar imóvel

Modalidade é oferecida entre as facilidades para incentivar o aluguel, que teve uma queda de mais de 6% no interior de SP, segundos dados do Creci-SP.

Diante da queda de mais de 6% na locação de imóveis registrada no interior de São Paulo nos últimos meses, muitas imobiliárias estão facilitando a locação, dando descontos no aluguel e também diminuindo a burocracia na hora de alugar.

Uma das alternativas é o uso do cartão de crédito para substituir o fiador, por exemplo. “Nós temos algumas opções para garantia locatícia, que é o caução, fiança e a nova modalidade que é a do cartão de crédito, que é uma modalidade que tem movimentado bastante o mercado, porque quase todo mundo tem um cartão de crédito e facilidade desse tipo de pagamento”, explica o corretor Elder Bolsonário. Alternativa que salvou Carla Afonso Cazarote. A farmacêutica precisou encontrar e fechar o contrato de um imóvel em apenas uma semana. Ainda tenta colocar tudo no lugar no novo apartamento. Para isso, ela usou o cartão de crédito como garantia.

“Foi muito mais fácil, porque nem todo mundo tem um cheque caução para dar ou fiador, e quando você vem morar sozinha em outra cidade precisa dessas facilidades.”

A última pesquisa do Creci-SP apontou queda de 6,62% na locação de imóveis residenciais no interior do estado. Mas, o mercado de Bauru tem um cenário mais favorável, especialmente pelo perfil universitário da cidade.

Para o delegado regional do Creci o mercado de Bauru consegue se manter estável. Mas, como há muita oferta de imóveis vai levar alguns meses para o setor ter crescimento. “Normalmente no início do ano e também no segundo semestre tem uma movimentação desses estudantes que acaba tendo uma reacomodação do setor que passa ficar mais movimentado”, destaca Carlos Eduardo Muniz Candia.

Enquanto isso a oportunidade é boa para quem puder negociar. É o caso do advogado Rafael Almeida. Ele procurou uma casa por quase dois meses, e só fechou o contrato com a imobiliária que reduziu o valor da locação. Vai pagar 20% menos no aluguel.

“Eu vi um imóvel que estava para alugar há um bom tempo e fiz uma contra-proposta que foi aceita na imobiliária. E nós começamos a negociação que foi até que rápida e fechamos o contrato.”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Notícias Relacionadas



Copyrıght 2019 ARISP. All RIGHTS RESERVED.

Content
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório