Pablo Picasso em exposição no Instituto Tomie Ohtake

Pablo Picasso. Nenhum artista do século XX combinou uma produção tão vasta, intensa e múltipla quanto ele. Reconhecido mundialmente, o artista icônico desenvolveu uma obra ambiciosa e vanguardista, ecoando as preocupações de seu tempo e as transformações da arte.

Em exposição no Instituto Tomie Ohtake, para o deslumbre dos brasileiros, estão 116 trabalhos do artista, sendo elas: 34 pinturas, 42 desenhos, 20 esculturas e 20 gravuras. O gênio da mão erudita ocupa o percurso cronológico-temático da mostra em 10 seções das principais fases do artista.

Picasso virou sinônimo do movimento que ajudou a criar: o Cubismo. Uma obra que representa muito bem essa fase é uma de suas mais famosas pinturas: a Guernica. O painel, que não sai mais da Espanha e, por isso, é retratado na exposição com fotos tiradas pela esposa do artista, foi pintada em 1937 e representa o bombardeio sofrido pela cidade espanhola que deu nome à enorme tela pelos aviões alemães, em apoio ao ditador Francisco Franco. O artista, ao perguntado sobre o caráter político da tela, disse: “Não, a pintura não está feita para decorar apartamentos. Ela é uma arma de ataque e defesa contra o inimigo.”

A exposição, que já é um enorme sucesso de público, acontece até o dia 14 de agosto. Não tenha medo das filas e conheça de perto a obra do artista que, como ele mesmo dizia, abdicou de ser moderno para ser eterno.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Notícias Relacionadas



Copyrıght 2020 ARISP. All RIGHTS RESERVED.

Content
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório