China

Preços de novas casas na China continuaram a cair em fevereiro

Os preços médios das novas residências em 70 cidades chinesas continuaram a cair em fevereiro, com a demanda enfraquecida devido ao feriado do Ano Novo Lunar e preocupações sobre novas reduções de preços mantendo os compradores afastados. Na comparação com o mesmo mês de 2014, o declínio nos preços das casas continuou a aumentar pelo sexto mês consecutivo.

O índice em bases anuais vem caindo desde setembro. O persistente declínio nas vendas de residências nos primeiros dois meses deste ano, após o tombo de 2014, compeliu as autoridades monetárias a introduzir uma política mais acomodatícia. O banco central reduziu as taxas de juros em fevereiro, o segundo corte depois da redução de novembro, e também diminuiu o percentual das reservas que os bancos têm de manter no BC. Muitas cidades chinesas ainda enfrentam altos estoques de imóveis, e preocupações sobre o aumento das dívidas dos empreendedores imobiliários e dos governos locais estão afetando a saúde do setor.

Na comparação mensal, os preços das residências caíram 0,43%, mesmo percentual de queda de janeiro, mais acima do declínio de 0,40% de dezembro, de acordo com cálculos do “The Wall Street Journal”. Em bases anuais, o preço médio das novas casas teve declínio de 5,7% em fevereiro, em comparação com a queda de 5,1% em janeiro e de 4,3% em dezembro. Excluindo os imóveis públicos, os preços das residências no setor privado caíram em 69 das 70 cidades pesquisadas em fevereiro, na comparação com igual mês de 2014, mesmo dado apurado em janeiro, de acordo com dados que o Escritório Nacional de Estatísticas divulgou nesta quarta-feira. Em bases mensais, os preços recuaram em 66 das 70 cidades no mês passado, número maior que as baixas em 64 cidades em janeiro.

.

Fonte: Valor Econômico

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Notícias Relacionadas



Copyrıght 2019 ARISP. All RIGHTS RESERVED.

Content
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório