Primeira reunião do Grupo de Apoio às Atividades Notariais e Registrais acontece em agosto

Nos dias 4 e 5 de agosto, em Belém do Pará, o Grupo Executivo de Apoio às Atividades Notariais e Registrais – GC-9, composto pelos nove corregedores de Justiça dos estados da Amazônia Legal, se reunirá pela primeira vez com o desígnio de instituir plano de trabalho em apoio ao programa de modernização dos cartórios de registro de imóveis.

“Vamos discutir as primeiras ações do grupo”, diz Marcelo Martins Berthe, juiz auxiliar da Presidência do CNJ e coordenador do Fórum de Assuntos Fundiários. “Nossa intenção é institucionalizar o programa de modernização como uma atividade permanente de apoio aos cartórios de registro de imóveis”, explica.

O grupo foi criado em junho num acordo de  cooperação técnica entre as corregedorias estaduais e a Corregedoria Nacional de Justiça, vinculada ao CNJ, como parte do programa de modernização do registro imobiliário.

Coordenado pelo CNJ, o programa de modernização – fruto de um acordo firmado entre o CNJ e a Uniregistral – Universidade do Registro de Imóveis – prevê diversas ações, como o desenvolvimento de normas para a guarda de documentos e utilização de software para uso dos cartórios.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Notícias Relacionadas



Copyrıght 2019 ARISP. All RIGHTS RESERVED.

Content
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório